Anime Music Video ~ Saint Seiya

Em Saint Seiya meu signo é representado pelo cavaleiro de ouro Máscara da Morte.

Além do presente de aniversário, meu honorável marido, que gosta de fazer surpresa, produziu três maravilhosos AMVs de Saint Seiya para mim em comemoração a data de meu nascimento (*o*). Então, sendo canceriana (signo mais sentimental do zodíaco) necessito fazer post romântico, hahaha.

Para quem não sabe, Anime Music Video (AMV) são clipes feitos por fãs de um ou mais animes. Até hoje os AMVs são produzidos e compartilhados nas várias plataformas de vídeos. Mas lembro-me também de que era um artifício famoso no início dos eventos de anime no Brasil, quando o evento se limitava a variadas salas temáticas ou um salão principal com a programação de animes e AMVs passando o dia inteiro.

Saint Seiya tem um significado muito importante para mim (^_^). Além do lado emotivo, é o anime que eu mais adoro e principalmente tem a trilha sonora que eu mais amo ♥. Sempre comento que Os Cavaleiros do Zodíaco não seria o que é se não fosse pelo trabalho dos grandes desenhistas Shingo Araki (1939 – 2011) e Michi Himeno, e pelas composições impecáveis e atemporais do meu amado Seiji Yokoyama (1935 – 2017). Sim, acho o anime clássico infinitamente superior ao mangá de Masami Kurumada.

Sem mais delongas, vamos aos AMVs do clássico Saint Seiya, com músicas de autoria do compositor Seiji Yokoyama (*o* ♫):

[ATENÇÃO!!! Clique nas imagens para ser direcionado aos vídeos (^_~).]

Clique na imagem para ser direcionado ao AMV “Guerra Galáctica”.

» 銀河戦争, Ginga Sensō (Galaxian Wars / Guerra Galáctica):

Ginga Sensō está presente no Original Soundtrack I (1987). É a terceira faixa do CD que contém o total de 10 músicas. É uma das músicas que eu mais adoro desse OST, pois marca com grande ânimo a abertura, as lutas e as tensões ocorridas durante o torneio galáctico. Foi o primeiro AMV exibido e eu achei que ficou fantástico! Amei! (*o*)

Clique na imagem para ser direcionado ao AMV “Os 5 Cavaleiros de Bronze”.

» 烈闘の彼方へ, Rettō no Karegata he (Direction of Heated Fights / Direção dos Lutadores Ardentes):

Rettō no Karegata he está presente no Original Soundtrack III (1987). É a nona faixa do CD que contém o total de 17 músicas. Além de empolgante, meu marido a escolheu para relembrar o divertido momento quando jogamos Saint Seiya numa antiga máquina de slot machine que estava numa loja de usados na região de Kansai. No jogo, as cenas de treinamento dos cinco cavaleiros de bronze tinha essa melodia adaptada ao fundo.

Clique na imagem para ser direcionado ao AMV “A Batalha dos Deuses”.

» 神闘士対聖闘士, Goddo Uōriā tai Seinto (God Warrior vs. Saint / Guerreiro Deus vs. Cavaleiro):

Goddo Uōriā tai Seinto está presente no Original Soundtrack IV (1988). É a sétima faixa do CD que contém o total de 15 músicas. O OST IV é o meu trabalho favorito do Seiji Yokoyama; e God Warrior vs. Saint é minha música preferida da vida! Não é exagero dizer que me apaixonei desde que eu a escutei pela primeira vez na animação A Grande Batalha dos Deuses (Kamigami no Atsuki Tatakai). Meu marido concluiu essa ímpar e maravilhosa surpresa com chave douradíssima. Fiquei bastante emocionada quando assisti (♥ ~ *0* ~ ♥).

Pela qualidade dos AMVs acredito que meu marido tenha sacrificado significativamente o seu tempo livre para produzi-los. Afinal, tempo é algo precioso na atualidade. Então isso torna a surpresa ainda mais expressiva (^_^).

O coração bateu fortemente quando assisti (admito que repetidas vezes, hahaha) esse inesperado presente que aparentemente parece simples. Mas, que carrega um significado importante, pois T. presta atenção nos detalhes da minha vida (^_^). Por esse visível cuidado, agradeço por tornar o meu aniversário mais bonito. Muito obrigada! Te amo, T.! (♥\^-^/♥)

Anúncios

[Blu-ray] PEGASUS BOX e DRAGON BOX

Os Cavaleiros do Zodíaco é o meu anime preferido da vida ♥. Se eu fosse listar, Saint Seiya estaria no topo. Só para vocês terem uma ideia, o anime nunca perdeu o brilho para mim, por isso já perdi as contas de quantas vezes o re-assisti (^_^).

Então desde o lançamento da série em Blu-ray no Japão, eu estava aguardando a vinda da versão remasterizada para o Brasil. Bem, era somente questão de tempo, pois Saint Seiya é extremamente querido e rentável por aqui. Mesmo aqueles que não acompanham anime sabem o que é Os Cavaleiros do Zodíaco.

Depois de alguns anos o lançamento aconteceu \o/. Dos cincos boxes anunciados (Pegasus Box, Dragon Box, Cygnus Box, Andromeda Box e Phoenix Box), dois já foram lançados na versão Blu-ray (*pela primeira vez*) e DVD pela distribuidora PlayArte. O lançamento do Pegasus Box aconteceu em novembro de 2017 e o Dragon Box em março deste ano. Esperei para comprar os boxes em alguma promoção e adquiri os dois na versão Blu-ray recentemente (^o^v).

Vou compartilhar informações e minhas impressões acerca da edição nacional do Blu-ray do Pegasus Box (contendo três discos – Episódios 01 a 24) e do Dragon Box (contendo três discos – Episódios 25 a 48).

» Design: os discos estão armazenados em digipack e luva. Mesmo dando um ar bonito ao produto, particularmente detesto edições em digipack por sua fragilidade. Quanto à arte, a imagem do Seiya e do Shiryu estampada na luva, produzida pela própria Toei Animation para o lançamento no Brasil, são malfeitas. Convenhamos que os rostos e as poses ficaram bem estranhos. O coitado do Seiya parece que travou a coluna e ficou na posição a lá Mestre Kami (O_o). Já o digipack apresenta visual limpo, do qual achei agradável, porém ainda deixando a desejar no quesito de sofisticação. Bem, nota-se que o design não é o forte da edição nacional.

» Livreto: achei o livreto, que contém oito páginas cada, um item complementar muito legal. As informações incluem Guia de Episódios e de Personagens. São dados bastante conhecidos, mas incluir a data de estreia de cada episódio no Brasil foi bacana. O que deixa a desejar são novamente o design e algum erro de digitação. Como por exemplo, na descrição de Seiya de Pégaso: “(…) com seu professor Marin”. (O_o) O correto é que Seiya foi treinado por uma amazona. Poderiam também ter melhorado um pouco a descrição do Cavaleiro de Gêmeos.

» Tela do Menu: achei o design da tela do menu simpático, mas poderiam ter colocado uma fonte mais estilizada. Em cada disco há uma imagem estática diferente do personagem tema e ao lado trechos da abertura e algumas cenas aleatórias dos episódios ficam passando ao som da versão em português de Pegasus Fantasy (*acho feia a voz desse cantor*). Sobre tudo isso há uma película com textura do cosmo em tom avermelhada na Pegasus Box e esverdeada na Dragon Box.

» Formato da Tela: seguindo o padrão do Blu-ray japonês, o formato da tela da edição nacional é 4:3. Como o anime foi produzido nos anos 80 neste formato, acredito que a Toei Animation decidiu manter o padrão original para não mutilar a imagem (*caso seja isso, achei uma escolha sábia*).

» Áudio e Legenda: contém áudio Dolby Digital 2.0 em japonês / português e legenda em português. O áudio em português trás a redublagem do Estúdio Álamo de 2003, que corrigiu falhas como: armadura de ouro de Pégaso, cavaleiro Jabu de Capricórnio, etc.; e, além disso, é uma excelente dublagem. Bem, o trabalho de dublagem japonesa é impecável e a brasileira não fica atrás. Uma coisa esquisita é que a legenda não pode ser desativada quando o áudio está no original (*me pergunto se a Toei tem receio que os japoneses importem do Brasil pelo custo da versão nacional, para o padrão japonês, ser mais em conta*). Falando ainda da legenda, achei esquisito algumas partes: o personagem fala o nome de outro personagem, uma palavra ou curta afirmação e daí colocam uma frase qualquer que não foi dita (O_o).

» Qualidade de imagem e som: por ter sido remasterizado a imagem e som ganharam tratamento mais nítido. Como não tenho a edição japonesa para comparar, não sei se está igual. Enfim, a imagem me parece excelente. Quanto ao áudio, tanto em japonês como em português, também está limpo e bastante potente. Adorei o resultado (*-*). Ah, as cenas dos títulos de cada episódio permaneceram como a versão original (*graças a Zeus*). Comento isso, pois na versão em DVD de 2004 a Toei impôs um design padrão horroroso como substituto.

» Extras: em ambos os boxes, os extras estão presentes no ultimo disco. Quanto ao conteúdo é a mesma coisa nos dois: eye catchs, título dos episódios em português (*que diabo é isso?*), vídeo da abertura nacionalizado e vídeo de encerramento nacionalizado. Os dois últimos extras se repetem em ambos os boxes, o que é desnecessário. Espero que nos demais boxes incluam outros extras. Como extras exclusivos para o material nacional, poderiam incluir entrevistas (antigas e novas) com os dubladores e também fazer uma homenagem aos dubladores que já faleceram. Acredito que seriam extras muito legais. Enfim, fica minha sugestão.

No geral, achei o trabalho de design da versão em Blu-ray nacional bastante capenga. Sinceramente, para lançamento no Brasil a Toei aprovou um trabalho feito de qualquer jeito. Poderia também ter deixado mais elegante e diferente a versão em Blu-ray da versão em DVD, afinal pela primeira vez o anime chega com qualidade por aqui. Entretanto mesmo com esse visual deixando a desejar, é um artigo que vale muito a aquisição (com um bom desconto) pela qualidade remasterizada de imagem e som (^_~).

Mais uma versão para minha coleção repeteco de Saint Seiya (>_<), mas muito amorzinho (^_~♥). Ansiosa pelo Cygnus Box, que trará o melhor personagem (*-*).

Presentes de Natal 2017 + Aniversário + Apreciando um Carinho

Com atraso, finalmente chegou à postagem natalina (^_^). Como foi o natal de vocês? Por aqui foi tranquilo. Nós nos reunimos na casa dos meus pais e o destaque da noite sem dúvida foi à ceia deliciosa preparada por minha mãe (*¬*). Sim, nessas comemorações eu só penso em comida, hahaha. Enfim, agora o momento de compartilhar os presentes literários; incluindo presentes de aniversário e de amizade (o tal “Apreciando um Carinho”). Siga-me os bons!

De moi: Me presentei neste natal com o livro Crônica do Pássaro de Corda, do Haruki Murakami. O exemplar estava com um bom desconto na livraria, então tive que levar. Estou bastante curiosa quanto à narrativa, pois esse romance demorou mais de uma década para chegar ao nosso país.

Do T. (marido): Meu honorável marido me presentou com livros da minha escolha: O Iluminado (Stephen King), Negociando com os Mortos (Margaret Atwood), Uma Noite na Praia (Elena Ferrante) e Frantumaglia (também da Elena Ferrante). Preciso dizer que amei tudo?! (*-*) Muito obrigada, meu amor! Te amo!

Dos meus pais: Ganhei aquele papel de valor, então adquiri o clássico A Pequena Dorrit, do autor britânico Charles Dickens. Se não estou enganada, esta é a primeira vez que a obra é publicada integralmente no Brasil. A Pequena Dorrit só apareceu por aqui com o texto adaptado. Estava doida por esse romance de mais de 770 páginas. Finalmente na estante (^_^). Muito obrigada, mãe e pai.

Do V.: Ganhei do meu amigo V. o romance O Homem sem Doença, do holandês Arnon Grunberg. Gostei muito de Tirza, então espero que essa obra me agrade também. Ah, esse presente na verdade é de aniversário; o V. só pode me entregar agora. Muito obrigada pela lembrança do dia de meu nascimento!

Da Michelle: A Mi me mandou uma caixa cheia de amorzinho simbolizando nossa amizade (^_^). Ganhei o livro Relatos de um Gato Viajante (Hiro Arikawa), uma garrafa do Totoro, fofinhas flags ilustradas de gatinhos e um caderninho com capa de gatinhos. Para completar, ela ainda me mandou a edição de 1997 do romance Vulgo, Grace, com tradução de Maria J. Silveira, com intuito de incrementar minha coleção dos livros da Margaret Atwood. Adorei tudo! Ah, e a Artemísia amou o papel que embrulhou a caixa, hahaha.

Da Maura: O pacote que eu aguardava finalmente chegou. Maurinha me presenteou com os livros: Ela tem olhos de céu (Socorro Acioli), O Papel de Parede Amarelo (Charlotte Perkins Gilman), História Universal da Infâmia (Jorge Luis Borges) e As Avós (Doris Lessing). Se não bastante tanto carinho, veio diversos marcadores, flags fofinhas de matrioska e flags coloridas. Senhorita Artemísia também quis brincar com o papel que embrulhou a caixa, hahaha. Muito obrigada!

Da R. e do R.: Meus amigos foram para Comic Con Experience 2017 e trouxeram vários mimos para mim. Ganhei o par de pôsteres dos 12 Cavaleiros de Ouro ilustrado pelo Felipe Massafera. Ah, ambos os pôsteres estão autografados (*que chique*). Amo Saint Seiya! Então foi certeiro. Uma boneca genérica da marca japonesa Daiso chamada Eri-chan e sua roupinha de colegial (*achei uma gracinha*). Por fim, um pacote do Biscoito Koala sabor morango (*meu preferido*) do qual já devorei, hahaha. Muito obrigada, R. e R.!

Feliz Natal! Feliz Comilança! (atrasado) (・ε ・)ノ