Livro: A Menina Submersa – Caitlín R. Kiernan

a-menina-submersa-caitlin-r-kiernan-limited-editionAssim como sua avó e mãe, India Morgan Phelps, ou Imp, é esquizofrênica (doença psiquiátrica que se caracteriza pela perda do contato com a realidade). Os medicamentos e as consultas com a psiquiatra dão uma aparência de controle na sua vida. A outra maneira que nossa protagonista encontrou para dominar suas assombrações foi na escrita: ela começa a escrever uma autobiografia. Vamos caminhando pelo diário de India, pelas histórias que se confundem com a realidade, a fantasia e a loucura.

O que poderia ser uma experiência interessante em estar perambulando pelos pensamentos, experiências e surtos de uma esquizofrênica, tornou-se uma leitura enfadonha. A inconsistência da protagonista faz parte de sua condição e até dá certa credibilidade a narrativa, mas a grande impressão que ficou foi de que Caitlín R. Kiernan nutriu sua obra com redundâncias, tornando bastante cansativo seguir os mistérios que abrangem India. Mistérios estes completamente previsíveis.

Além disso, todas as personagens, sem exceção, são tão padronizadas que se tornam insuportáveis. Todas apresentam trejeitos e personalidades clichês nada bem desenvolvidos, como a típica personagem “excêntrica” ou o tipo “revoltado”. E o campeão dessa bagunça é o namorado transexual de Imp.

A escritora norte-americana preenche a obra com várias referências literárias e artísticas. Mas nem isso ajudou a tornar o livro agradável. Sinceramente não consegui comprar a história. A Menina Submersa, de Caitlín R. Kiernan, publicado originalmente em 2012, do qual fiz uma leitura compartilhada no mês de dezembro do ano passado com uma querida amiga, foi uma grande decepção. Romance chula e maçante.

Outra coisa, de hoje em diante vou tentar fugir das indicações do Neil Gaiman. Explico: há um comentário destacado do autor na capa da primeira edição nacional de A Menina Submersa. Pela segunda vez dou certa credibilidade nas palavras do escritor britânico, e pela segunda vez me decepciono completamente com a narrativa (*a primeira foi o quadrinho de Vera Brosgol, O Fantasma de Anya*). Caso eu veja qualquer comentário do Gaiman num livro vou tentar passar longe desse título. Gaiman é um autor excelente, mas não tá indicando nenhuma coisa boa.

.

Título: A Menina Submersa: Memórias
Título original: The Drowning Girl: A Memoir
Autora: Caitlín R. Kiernan
Tradução: Ana Resende e Carolina Caires
Editora: DarkSide Books
Páginas: 320
Ano: 2015