Quadrinho: Essa História em Quadrinhos – Milena Fernandes

Essa História em Quadrinhos - Milena FernandesEssa História em Quadrinhos, de Milena Fernandes, publicado de forma independente em maio de 2016, conta sobre todas nós. Sendo autora e / ou leitura, a narrativa desta obra certamente nos atinge, trazendo uma reflexão simples da representatividade e sexualização das personagens femininas no mundo dos quadrinhos.

Milena conta sobre sua experiência pessoal como amante dessa arte, consumidora e agora como autora. Num tom despretensioso, como se estive conversando com amigos, ela pontua seus incômodos nas vestimentas hiper-sexualizadas das heroínas e a falta de protagonismo. Já como autora, ela expõe sua dificuldade em encontrar referências.

Quem gosta de quadrinho, e tem um mínimo de percepção, nota que as mulheres são retratadas como objetos de decoração. Sempre lindas e sensuais. Utilizadas também para afirmar a heterossexualidade do personagem masculino. O herói pode estar rodeado por homens igualmente viris, mas o enfeite feminino, que normalmente é retratado no padrão de beleza daquela sociedade, está lá para garantir a masculinidade dele.

Se o machismo ficasse somente nos quadrinhos poderia ser desconstruído com mais facilidade, já que nossa sociedade estaria numa realidade igualitária, mas somos serem sociáveis e consumimos o que a sociedade, a nossa no caso Capitalista e Patriarcal, determina. O quadrinho, assim como qualquer mídia, reflete, ensina e reforça padrões pré-estabelecidos. Ou seja, esse material tem uma influência direta em nossas vidas, no nosso meio social. Por isso é esperado das mulheres a beleza, a sensualidade, a fragilidade, a falta de participação e de voz, entre tantas outras regras absurdas e contraditórias. Afinal, somos vistas como prêmios, e prêmios devem ser atrativos para o ganhador.

Essa História em Quadrinhos_Arte

Eu não sou uma consumidora voraz de quadrinhos americanos, mas leio muito mangás e nele me vejo mais representada com protagonistas humanas e que apresentam objetivos. No entanto, o mangá também não foge a regra e apresenta igualmente os mesmos problemas dos quadrinhos de super-herói e de outros estilos e nacionalidades. Afinal o machismo é como se fosse uma pandemia, que só será desconstruído definitivamente através das condições materiais.

Aproveitando o tema, gostaria de indicar uma série de vídeos chamada Tropes vs Women in Video Games, do canal Feminist Frequency, em que Anita Sarkeesian analisa de forma crítica a figura feminina nos games (*vale igualmente para os quadrinhos, filmes, etc. Afinal o machismo é o problema de todos eles*).

(A maioria dos vídeos apresenta legenda em Português-BR. Então é só ativar ^_~)

Sobre a singela arte da quadrinista, acho que funciona muito bem, pois dá para perceber que ela foca nos trejeitos engraçados. É um traço divertido e acredito que fácil de agradar. Particularmente achei bem-humorado.

Destaque para as referências reais que passaram na vida da autora, e que a ajudaram a se inspirar. Muito bom ver a Dharilya Sales, autora de Relicário (*tem resenha no blog. Se quiser ler, clique aqui*), como personagem. Ela ficou uma gracinha no traço da Milena.

Essa História em Quadrinhos, de Milena Fernandes, aborda de forma simples e didática sobre a insatisfação do público feminino com a falta de representatividade. É um quadrinho sobre todas nós (^_^).

.

Título: Essa História em Quadrinhos
Autora: Milena Fernandes
Editora: Independente
Páginas: 21
Ano: 2016

Anúncios

2 respostas em “Quadrinho: Essa História em Quadrinhos – Milena Fernandes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s