Livro: Por Favor, Cuide da Mamãe – Kyung-Sook Shin

Por Favor, Cuide da Mamãe - Kyung-sook ShinPor Favor, Cuide da Mamãe, da sul-coreana Kyung-Sook Shin, publicado originalmente em 2009, é um romance que narra a perceptiva de uma família, com diferentes pontos de vista e uma mistura de narração, após o desaparecimento da mãe. A leitura deste livro foi realizada com uma querida amiga no mês de novembro de 2015.

O romance de Kyung-Sook Shin trás os típicos dramas familiares, mas com uma singularidade da poesia no sofrimento que os orientais dominam muito bem (principalmente os japoneses). Entretanto a narrativa não estaciona somente no drama, ela levanta questionamentos sobre o papel de mãe, com o plano de fundo dos filhos e da ausência paterna.

Park So-nyo, de 69 anos, teve um casamento arranjado e ao parir passou sua vida inteira dedicada (*eu diria escravizada*) por seu esperado papel social como dona de casa, mãe e de trabalhar duramente para sustentar a família. Por outro lado, o pai completamente ausente, fugia com naturalidade da esposa e dos filhos. Afinal o peso das responsabilidades difere bastante sobre cada gênero. Já os filhos, acostumado com a extrema dedicação da mãe, veem suas ações como naturais.

Como ainda vivemos numa sociedade de classe patriarcal, o forjado sacrifico materno é totalmente esperado e obrigatório. A naturalidade social de a mulher abdicar-se ou limitar-se como individuo para cuidar de uma vida é assustador, já que inexiste o amparo da sociedade. A maternidade no patriarcado escraviza e cria uma ilusão de bonito sacrifico que está enraizada profundamente na cultura machista.

Sobre o final da obra, eu achei terno, pois ainda tenho resquícios dessa imposta idealização cativa. Mas avaliando de forma clara, a conclusão de Por Favor, Cuide da Mamãe acaba reforçando o esperado ‘padecer no paraíso’ e que tal sacrífico materno é necessário e que os filhos só têm que agradecer. Acredito que uma maternidade saudável não existirá nesse sistema degradante.

Por Favor, Cuide da Mamãe, de Kyung-Sook Shin, tem um bom ritmo e apresenta uma interessante construção da evocação da relação entre pais e filhos. Também gostei como a autora sul-coreana narra à trama, pois temos a sensação de sermos uma das personagens. E mesmo sendo um romance de ideias senso comum é um livro sensível e muito triste.

.

Título: Por Favor, Cuide da Mamãe
Título original: Eommareul Butakae, 엄마를 부탁해
Autora: Kyung-Sook Shin
Tradução: Flávia Rössler
Editora: Intrínseca
Páginas: 240
Ano: 2012

Anúncios

4 respostas em “Livro: Por Favor, Cuide da Mamãe – Kyung-Sook Shin

    • O problema de Park So-nyo é uma questão sistemática de classe. Ela, uma mulher pobre, não teve escolha =/ Fica impossível em tais condições escolher. A única solução para todas, principalmente as desfavorecidas: acabar com o sistema de classe. Abraços, Michelle!

  1. Orientais sabem escrever dramas muito bem! Sempre que começo a ler/ver alguma coisa feita por eles, já vou me preparando para sofrer no fim.

    E por mais que países orientais, como a Coreia do Sul, sejam os mais desenvolvidos, no quesito igualdade às mulheres eles parecem os mais atrasados também.

    • Também adoro dramas orientais! Pra mim os japoneses são os melhores _<). Bem, as lágrimas não caem somente quando uma coisa é absurda demais. Por exemplo: carinha usa de violência psicologia e física contra a mocinha e depois que morre vira santinho (¬_¬).

      Bem observado! A desigualdade de gênero é forte nos países orientais. Eles são atrasadíssimos nesse quesito.

      Abraços, Vanessa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s