Livro: Ode a uma Estrela – Pablo Neruda

Ode a uma Estrela - Pablo NerudaPor adorar as estrelas, um homem resolve tirar uma delas do céu, escondendo-a debaixo da cama. Ele descobre que não é fácil viver com uma estrela roubada…

Ao subir á noite
no terraço
de um arranha-céu altíssimo e aflitivo
pude tocar a abóbada noturna
e em um ato de amor extraordinário
apoderei-me de uma estrela celeste.

Retirado da obra Tercer libro de las odas (Terceiro livro das odes), o poema de 1957, Ode a uma Estrela, de Pablo Neruda, ganhou essa belíssima edição com ilustrações da espanhola Elena Odriozola. O premiado livro é destinado ao publico infantil, mas independentemente da idade esse tesouro pode e deve ser apreciado da criança ao idoso (^_~).

Aconselho ler Ode a uma Estrela em uma sentada, mas sem presa. Leia devagar, admirando o gênio Neruda e a talentosa Odriozola, vendo e sentindo como a junção da poesia e do desenho é um deleite profundo. Ode fala de amor, possessão e liberdade. E pode ser apreciado por qualquer pessoa, sem dificuldades. Basta sentir!

Pablo Neruda é um dos poetas chilenos mais importantes da história. Ganhou o Prêmio Nobel de Literatura em 1971 e sua poesia continua a emocionar leitores ao redor do mundo. Hoje, 23 de setembro, passam 40 anos sobre a morte do poeta, que faleceu em Santiago aos 69 anos.

Pablo Neruda

“A poesia tem comunicação secreta com o sofrimento do homem.” – Pablo Neruda

.

Título: Ode a uma Estrela
Título original: Oda a una estrella
Autor: Pablo Neruda
Tradução: Carlito Azevedo
Editora: Cosac Naify
Páginas: 24
Ano: 2010

Anúncios

12 respostas em “Livro: Ode a uma Estrela – Pablo Neruda

    • Agna, “Ode a uma Estrela” é um lindo poema e a edição da Cosac tá muito caprichada. Pena ser tão curtinho (T_T). Obrigada (^_^) Tenha um ótimo final de semana!
      Beijos!

    • Pois é, infelizmente o livro é curtinho (U_U). Depois que terminei, acabei relendo mais algumas vezes e pensei como seria adorável ler Neruda diariamente (*_*).
      Beijos, Lua!

  1. Lulu, estava justamente pensando no Neruda e lendo alguns poemas dele, quando me deparo com uma coisa linda dessas aqui! ♥
    Essa edição então… consegue embelezar o que já é belo.
    Bjos! 😀

  2. Esse livro deve ser lindo! Li pouco Neruda, mas guardo alguns versos da “Canção desesperada” no coração: “Eu poderia escrever os versos mais tristes essa noite”, rs. É engraçado como a poesia se aninha com lembranças…
    beijo grande Lulu!

    • Maira, a edição é belíssima! Agora estou doida para ter e ler “O livro das perguntas”, também da Cosac.
      Que lindo (*_*): “Eu poderia escrever os versos mais tristes essa noite”. Você já veio inspirada e me deixou com mais vontade (>_<).
      Beijão!

  3. Eu percebi uma coisa, Lulu, depois que comecei a acompanhar seu cantinho… Passei a querer mais livros da Cosac, eu agradeço… Só meu bolso que não 😛
    Li poucos poemas do Neruda, sempre deixo pra depois comprar um daqueles da LPM, preciso tomar um copo bem cheio de vergonha e ler mais poesia, e principalmente mais poesia do tão comentado e adorado Neruda 🙂

    Beigos!

    • HAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAU! Foi mesmo?! HAUHAUHAUHAUHAUHAUHAUHAU! Que bom e desculpa! ;D
      Eu não me aventuro em poesia por causa da ignorância, mas “Ode” me deixou com muita vontade de ler todos os poemas do Neruda. Acho que a L&PM lançou a obra completa do autor num Box, mas está esgotado *snif*. Olhei na EV e não tem (Ç_Ç).
      Beijos, Maura!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s